04Jan/19

SOMOS UMA ESCOLA PIJAMA…. COM MUITO ORGULHO SIM SENHOR!

Somos uma escola pijama,

E temos uma missão.

Vir de pijama vestido,

Para vos chamar a atenção.

 

Para que todos saibam,

E pensem o que podem fazer,

Porque há meninos como nós,

Sem uma família onde crescer.

 

E a Família é a base,

Que nos acolhe dia a dia,

Nos garante o colo e os abraços.

Para viver com alegria.

 

Por isso escutem só,

Não custa tentar…

Todos juntos somos um só,

Ajudar, Ajudar, ajudar.

 

 

Até Breve,

Os Meninos da Sala 1.

28Dez/18

ACREDITA

Este ano a festa de natal do infantário quis reviver as tradições do natal. Baseada na historia do Polar Experss onde nos é relembrado o verdadeiro significado do Natal.

O filme conta-nos a história de um rapaz  que deixou de acreditar no Pai Natal. Inesperadamente, durante a noite da véspera de Natal, o pequeno rapaz é surpreendido pelo barulho de um comboio que está parado à porta de sua casa. Um simpático condutor convida-o a entrar. O rapaz embarca, apesar da resistência. E assim é dado o mote para uma viagem fantástica rumo ao Polo Norte.

O espectáculo do infantário baseado nesta linda historia, tem como personagens principais o João, um rapaz que não acredita no Natal, e a Ana uma menina sonhadora convicta que tudo é possível que quer preparar a sua casa para receber o Pai Natal, e assim os dois junto com as nossas crianças desde o berçário até ao CATL, vão construindo uma historia cheia de encanto e magia!

Mas lembrem-se …” o guiso soa somente para aqueles que realmente acreditam.”…

25Dez/18

DIA DO PIJAMA SALA 7

Olá amigos,

O Dia do Pijama já lá vai mas vale a pena divulgar as atividades que alegraram as crianças neste dia tão especial. É um dia solidário porque podemos contribuir para que outras crianças possam ter um futuro melhor mas também é um dia educativo inspirado pela Missão Pijama com atividades lúdicas e divertidas para todos.

Na sala 7, as crianças vivenciaram momentos diferentes, desde brincadeiras livres na sala assim como atividades orientadas, como por exemplo, o jogo das “almofadas musicais” e o jogo do “peluche saltitante” utilizando almofadas e peluches trazidos de casa. Também fizemos o jogo da “Caça às Pedras” no jardim com as pedras que as famílias decoraram e construímos Caça-sonhos para ajudar a afastar os sonhos maus.

A exploração da história deste ano – A Pedra Falante – transmitiu-nos uma mensagem essencial para a nossa vida pois fala da importância de deixarmos as nossas escolhas nas nossas próprias mãos, como nos mostraram os três amigos corajosos (a Maria, a Milu e o Quincas) ao ajudarem a acalmar o coração do Menino das Pedras da sala lilás.

Aqui fica um pouco da história:

A PEDRA FALANTE (…a rimar!)

Chegou à sala Lilás Muito calado e infeliz. Um rapaz que não fala Parece triste, nada diz!

É o Menino das Pedras Que gosta muito da Milu Até lhe dá uma pedrinha Para quê? Adivinha tu.

O que o Menino traz São pedrinhas com segredos As brancas lembram a mãe As negras escondem medos.

Porque tens medo, menino? É do pássaro-dragão Da cor laranja de fogo

Por isso, estava triste, Depois de aqui chegar Agora, que sabem porquê, Todos o vão abraçar!

A Avó Mimosa soube E ao sótão foi buscar… Um apanhador de sonhos Para os medos eliminar.

O apanhador de sonhos, Os maus não deixa passar,

Só deixa passar os bons Até o sol espreitar!(…)

Missão Pijama 2018

Versão em verso segundo ideia das educadoras Ana Luísa e Ana Rita – Ninho da Corujinhas

28Nov/18

A FÁBRICA DE CHOCOLATE

Hoje o pré-escolar foi a Matosinhos  assistir a um musical, “A Surpreendente fábrica de chocolate”.

Saímos bem cedo e bem animados.

O espectáculo era muito bonito e super colorido, e com um aroma a chocolate fantástico.

Viemos encantados com tanta magia…

A

27Nov/18

Magusto no infantário

Esta semana celebrámos o S. Martinho e, como comemoração, as crianças da creche, do pré-escolar e do CATL assistiram a um teatro intitulado “A Castanha Carolina”, que tinha como atores principais as educadoras das respetivas salas.

Na parte da tarde, participaram todos na realização da fogueira tradicional do S. Martinho, contando com as castanhas contribuídas pelos pais. E como não podia haver exceção, o tempo ajudou e tivemos um dia de verão de S. Martinho.

 

08Nov/18

As bruxas saíram à rua!

Olá amigos,

 

Este ano festejamos o Halloween dentro e fora do Infantário.

As crianças vestiram-se a rigor e usufruíram de uma dia especial, com direito a baile de Halloween e guloseimas entregues pessoalmente pela bruxa Sandra. A valência do pré-escolar visitou ainda o lar da Santa Casa, como já é habitual, o que deixa os nossos idosos deliciados com a energia e boa disposição dos pequenitos.

A nossa entrada foi decorada a preceito para ser utilizada como palco de fotografias mas também como montra assustadora para participar no concurso organizado pelos grupos de carnaval, o que nos rendeu um honroso 3ºlugar.

Para o ano há mais! BOO


Nem só os “Zombies” fazem brincadeiras
Em noite de Halloween

Também há bruxinhas airosas e doces

Que distribuem sorrisos e guloseimas.

Para as crianças assustadas

Têm sempre um doce comentário

São as profissionais dedicadas

Que hoje saíram do Infantário!

 

08Nov/18

Se queremos saber mais procurámos!

As crianças da sala 4, com o seu instinto de exploradores, observaram que o nosso jardim estava a ficar diferente, havia muitas folhas pelo chão que eram ideais para apanhar e investigar! Mas porque e que havia tantas folhas no chão afinal? Como bons investigadores que somos colocamos todas as hipóteses sobre a mesa sobre o que sabíamos, o que queríamos saber e o que queríamos fazer!

Primeiro pensamos que seria alguém a colocá-las pelo chão mas depois a R. disse-nos que era o Outono que estava a chegar!

O outono? Mas ainda não estava frio!

“Afinal o Outono já chegou ou não?” foi baseado nesta pergunta que decidimos pedir às famílias para saírem de casa em busca do Outono e para nos trazerem um pouco do mesmo!

Foram muitas as nossas recolhas que partilhamos com os amigos da sala e com todos os que a nossa volta passavam, nesta investigação de mãos dadas com as famílias  encontramos pinhas, espigas, bolotas, castanhas, ouriços e folhas muitas folhas de diferentes formas, tamanhos  e cores!

Com algumas das folhas que tínhamos recolhido no exterior junto com outras que a Sandra trouxe dividimos as folhas em grandes e pequenas e mais tarde por cores.